quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Andarilho da Ilha em Buenos Aires
















Essa viagem como todas as outras começa com um gosto de aventura. Mas também marca o começo de uma nova fase na minha vida de mochileiro.
A fase dos Viajantes Desacompanhados, pela primeira vez coloquei minha mochila nas costas e saí do país para viajar sozinho, e aquele frio na barriga fica ainda maior quando não tem mais ninguém para dividir as expectativas.
Uma vez conheci um inglês que estava viajando ao redor do mundo, por um ano sozinho, e Floripa era sua última parada antes de voltar para casa.
Ele me falou que eu deveria viajar sozinho pelo menos uma vez na vida, porque quando você viaja desacompanhado volta como uma pessoa diferente.
Ele estava muito certo, porque desde o aeroporto eu já notei a diferença, começei a conversar com muita gente, e conheci um cara na fila, que nunca tinha voado de avião na vida, estava bem nervoso. Então eu o ajudei a preencher os formulários de imigração e a telefonar para a pessoa que viria buscá-lo no aeroporto de Buenos Aires. Resultado, eles me deram uma carona para o Hostel El Sol, se fosse de taxi eu pagaria $100,00 pesos argentinos.
O Hostel El Sol ficar perto da Recoleta e o quarto compartido é $8,00 dólares americanos, muito barato mesmo.
O bom desse hostel é que a maioria das pessoas hospedadas lá também estavam viajando sozinhas e assim, todos estavam muito abertos para conversar e sairem juntos para comer e conhecer a cidade.
Uma semana em Buenos Aires foi o suficiente para conhecer muita coisa interessante caminhando, como Plaza San Martin, Calle Florida, Galeria Pacifico, Casa Rosada, Puerto Madero, Jardim Japones, Cemitério da Recoleta, Palermo. De qualquer desses lugares é possivel voltar de metrô, se ficar muito cansado. O metrô e o ônibus em buenos Aires é apenas $1,20 pesos argentinos.
Para ir a La Boca e na Bombonera é melhor ir de ônibus porque naquele bairro não é aconselhável caminhar para turismo.
Uma boa viajem para fazer de trem é ir para El Tigre, e custa $ 2,60 pesos saindo da Estacion Retiro. Tigre é uma bela cidade que tem parques, museus, cassino e passeio de Catamarã, que custa $ 25 pesos o passeio de 45 minutos no delta do Rio Paraná.
Voltei para o Brasil realmente como outra pessoa, mais disposto a conversar com todos, mais seguro das minhas decisões e principalmente, certo de que irei viajar desacompanhado mais vezes.

4 comentários:

Catherine Ivey Jones disse...

love the pictures. especially the guy on the bike two post down!

Andarilho da Ilha disse...

Hi Catherine!!
The guy on the bike is me!!! lol
Thank you for the visit!!!

Nilson Soares disse...

Irmão,

Não estou fazendo mais nada hoje, só vendo teu blog.

Cara, viajar sozinho é realmente um imersão interior, agora imagine fazer isso de moto, acho que é melhor ainda. Uma sensação indescritível!

Não conheço, mas tenho muita vontade de ir a Buenos Aires, fiquei encantando pelo lugar desde o dia que assisti aquele filme lindo com o Ricardo Darin, O Filho da Noiva. Depois vi relatos de outros vijantes como tu e interessei-me mais ainda,

abs e continuo na escuta,

Nilson Soares

Andarilho da Ilha disse...

É isso ae Nilson!
Espero que tenha curtido seu dia!
Buenos Aires é aqui do lado e é bem barato pra nós brasileiros!
Vale muito a pena!
Abraços!

Pesquisar este blog